Reticências

marcam uma suspensão da frase, muitas vezes a elementos de natureza emocional. Indica um pensamento ou ideia que ficou por terminar e que transmite a omissão de algo que podia ser escrito, mas que não é. (...)

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Teresina, 25 de outubro de 2010

Lorena, 

Uma vez você pediu uma carta, mas forçada não ia sair muita coisa. Mas veio um clima bom nessa cidade, e lembrei que você não tava aqui pra ver esse céu carregado. Veio a saudade.
Tava aqui pensando, que de todos os meus amigos, você é a que mais faz o que pode e até o que não necessita por mim. A que manda notícias de longe e de perto, do bairro vizinho ou do Estado do lado. Eu lembro que a gente só se conhecia de nome, você alegava que eu tirava amigas suas, ciúmes é um mal muito grande, todos nós temos, eu tenho. Eu tenho ciúmes de você agora também. A gente começou a sair juntas, lembro que a gente saiu três dias seguidos uma vez e você disse que não aguentava mais, porque a sua barriga  já tava doendo de tanto rir, a gente conversava sobre tudo, e você nunca me escondendo nada. E quando você sentia que tinha algum problema, você me perguntava logo: - Você tá bem? Tá bem mesmo? E eu respondia que tava, até mesmo se não estivesse. O principal assunto que embalava as nossas conversas eram os amores mal resolvidos e que queríamos que fossem esquecidos. A gente sofreu, chorou, bebeu, superou muitos desses juntas. Tá bom, eu tô exagerando! Não foram tantos assim, mas é como se fosse, foi tudo tão intenso. Em falar em intenso, como você é complexa. Já disse inúmeras vezes isso, você é uma das pessoas mais complexas que eu conheço, é um ponto de interrogação, sempre. Não esqueço das nossas corridas de táxi, onde você senta do lado dos taxistas e conta praticamente a vida toda. Pede pra mudar a rádio, aumentar a música, diminuir o ar condicionado, ir pelo caminho mais rápido. São momentos únicos. Nunca é a mesma coisa. Você é você. E como você é querida por mim. Eu te amo.

Um abraço, bb

Jéssica.

Um comentário:

  1. Uma gota da minha lagrima vc teve, vaca. adorei o texto e não, não colocou nada errado.. eu assuno benhaí nimbaixo, adeus!

    ResponderExcluir