Reticências

marcam uma suspensão da frase, muitas vezes a elementos de natureza emocional. Indica um pensamento ou ideia que ficou por terminar e que transmite a omissão de algo que podia ser escrito, mas que não é. (...)

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Gravado


Como você é doce quando quer alguma coisa. Eu reclamo da falta de atenção e você diz que dá atenção e que tá ali, comigo. Mas eu queria que estivesse só comigo, não só ali.
O teu gosto tá na minha boca até hoje, junto com o gosto do álcool. Teu cheiro impregna e tira a minha concentração. Eu fico pensando aqui, ali e aculá nos momentos curtos. 
Você diz coisas que não condizem, você me diz coisas que até que quero escutar, mas são bobagens na frente do que realmente deveria falar.
A gente se usa e abusa. Teu abraço é bom, tuas conversas deixam saudades, a tua partida é inevitável. Sabe-se lá quando será o outro dia a te encontrar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário