Reticências

marcam uma suspensão da frase, muitas vezes a elementos de natureza emocional. Indica um pensamento ou ideia que ficou por terminar e que transmite a omissão de algo que podia ser escrito, mas que não é. (...)

sábado, 10 de agosto de 2013




Saudade desde já, saudade desde sempre.



quinta-feira, 8 de agosto de 2013

-


Eu entendi.
Que a covardia tem morada. 
Que o medo fincou raízes. 
Que o orgulho é maior que qualquer coisa.


quarta-feira, 7 de agosto de 2013

-



Meus dias tão sendo assim meio corriqueiros, meio paradinhos. A visão que eu tenho é a de cima da minha cama, que por ser quentinha não me deixa ficar fria, mesmo que a cidade já seja quente o suficiente pra não me deixar congelar. Não tenho motivo pra tratar mal ninguém, muito pelo contrário. Tenho falado no diminutivo pra ver se as coisas ficam mais diminuídas, tipo a 'saudadezinha'. Começo a achar que esse mês vai demorar a passar. As horas tão passando quase que parando. Setembro, como você tá demorando! Outubro, por onde andou? Novembro, vem logo! Dezembro, você já é o fim? Tempo demorado, mas que nunca vai passar.


terça-feira, 6 de agosto de 2013

Perdurare



Vou pegar o meu amar, o meu gostar e entocar num lugar bonito e muito escondido. Resguardar de mim e de você. Por quanto tempo mais perdurará, quem vai saber?


segunda-feira, 5 de agosto de 2013

-



Qual é o nome da doença que ao acordar não quero virar pro outro lado da cama por não querer ver que você não está?