Reticências

marcam uma suspensão da frase, muitas vezes a elementos de natureza emocional. Indica um pensamento ou ideia que ficou por terminar e que transmite a omissão de algo que podia ser escrito, mas que não é. (...)

quarta-feira, 25 de abril de 2012


      
Mais um peixe nesse mar,
mais alguém a navegar nessa vida a fora
Quantas ondas a atravessar? 
Quantos céus a discernir?
Quantas vidas a colorir? 


domingo, 22 de abril de 2012

 
O mundo gira, gira, tira tudo do lugar, gira, gira, põe cada um no lugar que merece.
Áh, o universo. . .

quinta-feira, 19 de abril de 2012

       
           
Como eu queria voltar no tempo pra evitar tanta coisa, 
tantos encontros e desencontros.
                              Evitar ter, evitar perder. 
                                                     Evitar sentir falta.  
                                                                        Evitar se arrepender.
                                                                                              Evitar . . .
    


terça-feira, 17 de abril de 2012




Saudade só é um sentimento bonito quando não nos faz sofrer.



domingo, 15 de abril de 2012

... 

Escrevo pra ti. O outro lado. O que interpreta. O que observa os erros e acertos, de longe.

... 

Estudar os verbos : amar, sofrer, perdoar, esquecer. Em todas as conjugações.

...

Dizer 'eu te amo' nem sempre é a melhor saída, só demonstra o quão você está perdido.Ouvir 'eu te amo' nem sempre é o que se quer ouvir, só mostra o quão você está distraído.

...

quarta-feira, 11 de abril de 2012


A gente se esqueceu mesmo.
  a gente se esqueceu, mas eu não me esqueço de ti.
 

terça-feira, 10 de abril de 2012




Mas não se dê por vencido, que nesse mundo - dizem - nada está perdido.
acorda, levanta e vai até onde aguentar
tenta, sonha, tenta realizar, tenta, não muda, tenta não mudar
Viva o ideal. Viva sua vida.


quinta-feira, 5 de abril de 2012




Querido diário,

Tenho tentado me manter sã e sóbria. Do corpo, da mente e do coração. Confesso que os dias estão indo difíceis, devagar. Procuro sempre me ocupar, mas mudo o foco e tento encontrar um culpado. Tudo meio confuso, tudo inteiramente perdido. O que eu tanto busco? Quais palavras quero dizer? Quais palavras quero ouvir? Afinal, procurando o que?


quarta-feira, 4 de abril de 2012


. . .
Eu conto os dias que passaram, eu lembro das datas quase sempre, exatas. Porque meu tempo com você é sempre escasso, finito. E um dia, não muito longe, será sem repetição (Aliás, nunca mais vai se repetir).

 . . . 

Qualquer palavra me caia, qualquer frase me brote, qualquer pensamento que me faça esquecer por um segundo (você).

. . . 

Águas que me façam flutuar, não mais afundar, mas que me levem pra longe.

. . .


terça-feira, 3 de abril de 2012




- Gosto de ti porque tu sabe tocar todas as músicas do meu repertório.

- Gosto de ti porque da tua boca sai poesia.