Reticências

marcam uma suspensão da frase, muitas vezes a elementos de natureza emocional. Indica um pensamento ou ideia que ficou por terminar e que transmite a omissão de algo que podia ser escrito, mas que não é. (...)

domingo, 3 de outubro de 2010

Era uma vez...I


Minha memória não é muito boa, nunca foi. Sou somente sortuda por lembrar certos fatos. Queria lembrar qual a minha brincadeira preferida quando criança e quem foram meus amigos de infância. Eu queria saber mais de mim. Minhas memórias são mais recentes como quando aprontava no colégio e o meu primeiro amor. Mas sinceramente existem passagens na vida que não fariam falta se fossem esquecidas. De uns tempos pra cá da minha vida, me ocorreu uma inspiração súbita. Talvez não tenha sido tão súbita assim, dizem que um coração em flor despetalado por dores de amores e mortes próximas deixam marcas. Comecei a escrever. Eram poemas que achavam bonitos, eu os achava tristes. Nunca soube contar uma história direito, sempre me fugia o foco e ninguém conseguia entender a moral da história. Prefiro no papel, porque é diferente; consigo 'falar' o que quero. 
Só quero escrever algumas páginas. Algumas páginas sobre o que eu senti um dia. Sobre o que eu sinto agora. Qualquer sentimento que tenho surgido em mim é merecedor de tamanha atenção. Logo em mim veio criar vida, logo em mim. Me deixando viva e me matando. Tantas vezes a felicidade me levou embora, me fez flutuar. Mas muito maior foi o número das quedas. Talvez o chão fosse o meu lugar. Quem sabe algum dia alguém pra mim vai chegar e me explicar o que ninguém entende. Tirar dúvida de qualquer questão banal.
Nessa vida, preste atenção em que anda do seu lado, preste atenção ao que lhe dizem e aos simples gestos que lhe fazem, porque um dia vai ser uma palavra simples mas tocante e um gesto cativante que vai conquistar você. Você vai perceber... Perceber que essa pessoa é a mais importante pra você. Alguém pra levar por toda a sua vida, alguém que ganhou seu coração, e dono dos seus sorrisos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário