Reticências

marcam uma suspensão da frase, muitas vezes a elementos de natureza emocional. Indica um pensamento ou ideia que ficou por terminar e que transmite a omissão de algo que podia ser escrito, mas que não é. (...)

segunda-feira, 26 de setembro de 2011



Não mais olhar pra trás ou pro lado. Seguir em frente.





segunda-feira, 19 de setembro de 2011

-
O amor de vocês é bonito. Vocês se permitiram. Vocês se deram a oportunidade. Vocês se conheceram. Vocês se amaram. Vocês se amam e que o amor de vocês nunca vire passado.


sexta-feira, 16 de setembro de 2011

.


Leio saudade onde não tem.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

 .

Naquela sala de azulejos brancos e minúsculos, a outra coisa de tamanho pequeno era o meu amor próprio. Naquela sala onde somente cinco luzes iluminavam. Naquela sala, olhava pro chão e separava os quadrados: escuro, claro, escuro, claro. Naquela sala com três portas trancadas, uma porta que levava a saída e um corredor com mais meio mundo de caminho, ficava difícil escolher. Pra onde ir? O que fazer? O que eu fazia sentada ali? Sozinha. Esperando quem? Esperando o quê? O tempo passava e a paciência também. O tempo passava e a esperança também. O tempo passava...o tempo acabou. Vou pra casa.

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

.



'Eu tenho uma saudade de não sei quem. Talvez seja de mim.'

quinta-feira, 8 de setembro de 2011





Eu ando cansada de sempre fantasiar. Amar é bonito. Ser amada é mais bonito ainda. Me desculpa por inventar algo que não existe e nunca existiu, de novo. Eu tento me desculpar todo dia. Todo dia, ao acordar, eu me peço perdão e desejo voltar a dormir. Porque dormindo eu paro de pensar, de lembrar, de me enganar, de me confundir, mas aí vem os sonhos. Mas nem sempre sonho. Mas acordada, sempre penso.    



quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Primeiro de setembro



Janeiro veio com gosto de esperança, 
Fevereiro veio com gosto de querer,
Março veio com gosto de sonho,
Abril veio com gosto de procura,
Maio veio com gosto de desejo,
Junho veio com gosto de esquecimento,
Julho veio com gosto de arrependimento,
Agosto veio com gosto de desgosto,
Setembro, vem com gosto de paz.