Reticências

marcam uma suspensão da frase, muitas vezes a elementos de natureza emocional. Indica um pensamento ou ideia que ficou por terminar e que transmite a omissão de algo que podia ser escrito, mas que não é. (...)

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Sobre a minha forma de tratar você:



Diante de você, fico boba.
Eu evito.
Evito até pensar na possibilidade de gostar de você.

Evito lugares,
evito pessoas,
evito músicas...
mas tem uma que não sai da minha cabeça, ela me lembra tanto você.
Não tenho mais vício nenhum depois de você.
Não se brinca com sentimentos, não se brinca com dor...
Então o melhor é deixar aqui, assim, com a poeira baixa,
a cicatriz quieta,
a cabeça distraída,
o coração sem esperança.
Desculpa, eu sou triste, mas não consigo viver longe de quem gosto
Quero sempre aqui, por perto, ao lado, cuidando.
Queria eu poder cuidar de você.
Te dou meus ombros, ouvidos e colo,
Deságua em mim o que for, o que precisar
Me deixa te amar ao menos de longe,
Mas permaneça ao meu lado.
Não quero perder nada nem ninguém
Sou egoísta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário